Pesquisar este blog

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Israel diz que decisão de atacar o Irã está “muito longe”

15:44, 18/01/2012
  
     Em meio a uma tensão cada vez maior envolvendo o programa nuclear do Irã, o ministro da Defesa de Israel, Ehud Barak, afirmou nesta quarta-feira (18) que seu país “está muito longe” de lançar um ataque militar contra Teerã. Em entrevista à rádio do Exército de Israel, Barak disse que não gostaria de falar sobre em quanto tempo uma operação militar deste porte ocorreria, mas que “não é como se fosse amanhã”.
     Segundo o jornal israelense Haaretz, Barak foi questionado sobre o teor da visita do general Martin Dempsey, atual chefe do Estado Maior Conjunto dos Estados Unidos, o órgão que congrega todas as forças armadas do país e serve como conselheiro ao presidente. Especulações dão conta de que Dempsey vai a Israel para tentar dissuadir ou atrasar um provável ataque de Israel ao Irã.
     Enquanto nega a iminência do ataque, Israel continua reforçando o treinamento de seu Exército. Nesta semana, pela primeira vez em 15 anos, Israel realizou um uma simulação completa de uma batalha com suas tropas terrestres, envolvendo mil homens e dezenas de aeronaves.
Nos Estados Unidos, um ataque de Israel ao Irã é visto com preocupação pois provavelmente serviria como ignição para um confronto envolvendo outros países do Oriente Médio e, no limite, até mesmo os Estados Unidos, que possuem uma antiga e firme aliança com Israel.
Fonte: Época http://colunas.revistaepoca.globo.com/ofiltro/2012/01/18/israel-diz-que-decisao-de-atacar-o-ira-esta-muito-longe/
Postar um comentário